Tratamento de metais com nanocerâmica

Os processos de pré-tratamento de metais são quase que totalmente realizados com a utilização da fosfatização, há mais de 150 anos. A fosfatização é um processo metalúrgico para a proteção da superfície de metais, que se baseia no recobrimento de peças em metal com materiais como o fosfato de zinco, ferro e manganês, nas formas de fosfatos neutros e monoácidos.

No entanto, apesar dessa prática estar tão difundida na indústria, em aplicações como nos mercados dos produtos de linha branca, móveis de aço e construção civil, podem rapidamente migrar desse tratamento que utiliza o tratamento à base de fosfato de ferro.

A cerâmica avançada, desenvolveu um substituto com base em pesquisas em nanocerâmica, utilizando compostos químicos à base de fluorziconica para o pré-tratamento de metais. A grande vantagem na utilização dessa substância é o ganho ambiental. Esse composto é isento de metais pesados, componentes orgânicos e fósforo, reduzindo consideravelmente os resíduos prejudiciais ao meio ambiente.

Esse novo tratamento também oferece economia no processo. A utilização do processo nanocerâmico é muito mais rápida, aumentando a produtividade do processo em até cinco vezes. Por ser um tratamento realizado à frio, ao contrário dos processos tradicionais, também se consegue uma considerável economia de energia.

Com a responsabilidade de uma empresa conectada com a realidade do século XXI, a Macéa preocupa-se com o meio ambiente, trabalhando com sustentabilidade e respeito a natureza. Entre em contato conosco e conheça mais sobre as soluções Macéa.

voltar

Compartilhe esse conteúdo